• Jorge Talixa

Vilafranquense conquista bom empate com o Feirense


A União Desportiva Vilafranquense empatou, este sábado, com o Feirense, em jogo da jornada 13 da II Liga. Com este resultado, os ribatejanos afastaram-se mais um pouco dos lugares de descida. A exibição, frente a uma das melhores equipas do campeonato, foi bastante positiva. Na próxima jornada,


o Vilafranquense recebe o Porto B. Frente ao vice-líder Feirense, a União Desportiva Vilafranquense conseguiu uma boa exibição, disputou o jogo com uma das melhores equipas da II Liga e justificou perfeitamente o empate e a divisão de pontos com a equipa de Santa Maria da Feira.


É certo que o Feirense teve mais posse de bola, mas o jogo foi repartido e os ribatejanos conseguiram mesmo, em alguns momentos, encostar a equipa nortenha à sua defesa. O jogo começou equilibrado, com mais posse de bola para o Feirense, mas com o Vilafranquense a responder a contento. Até que,


ao minuto 21, na sequência de um canto, o central feirense Ícaro foi mais rápido do que a defesa de Vila Franca e cabeceou para o fundo das redes. Um golo que gerou alguma intranquilidade na equipa ribatejana, mas o Vilafranquense conseguiu estabilizar o seu jogo e, no último quarto de hora da primeira parte,


pressionou mais a defesa do Feirense. Ao minuto 40, na sequência de um livre, Eric tentou a sua sorte atirando à baliza de Bruno Brígido. Quatro minutos depois, grande jogada pela esquerda do ataque do Vilafranquense, com Fati a solicitar Eric Veiga em profundidade, que cruzou a contento para o interior


da área, onde Wagner rematou enrolado, mas a bola desviou num defesa contrário e só parou no fundo da baliza do Feirense. Um golo importante, já muito perto do intervalo, que deixou os ribatejanos mais tranquilos. Para o segundo tempo, saiu Nenê e entrou Belkheir e a toada de jogo manteve-se,


com algum equilíbrio e escassas jogadas de perigo. Nos últimos minutos carregou mais o Feirense, sobretudo com cruzamentos largos para a área, mas sem criar grande perigo. Ao minuto 77, Marcos Valente ainda criou algum perigo na sequência de um canto e foi já ao minuto 93 que o Feirense teve


a maior oportunidade para ganhar vantagem. O lateral João Oliveira cabeceou à entrada da pequena área, mas Adriano fez uma grande defesa e impediu o golo da equipa de Santa Maria da Feira.


Saiba mais nas edições impressas do Voz Ribatejana


Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações