• Jorge Talixa

Detidos suspeitos de atear fogos em Arruda e Alenquer


A Polícia Judiciária deteve, esta semana, dois indivíduos suspeitos de serem responsáveis por mais de uma dezena de incêndios florestais ocorridos nos concelhos de Arruda dos Vinhos e de Alenquer. Os detidos foram presentes a tribunal para primeiro interrogatório e vão aguardar o desenvolvimento dos respectivos inquéritos em prisão preventiva. Nos últimos dias, a PJ deteve, também, um terceiro indivíduo, suspeito de atear fogos em zonas rurais do concelho de Santarém.


Os suspeitos têm nacionalidade portuguesa e idades entre os 27 e os 54 anos. “Na primeira investigação em apreço, o arguido detido – um homem com 27 anos de idade – encontra-se indiciado pela prática de dezenas de incêndios, no concelho de Arruda dos Vinhos, cometidos, pelo menos, desde o ano de 2017”, refere a Directoria de Lisboa da PJ, frisando que “o suspeito apresenta antecedentes relacionados com a prática de crimes da mesma natureza, tendo sido já detido no passado mês de outubro de 2021, no âmbito de outra investigação por factos de natureza semelhante, tendo-lhe sido aplicada medida de coação não privativa de liberdade”.


“Numa outra investigação a crimes da mesma natureza, foi detido um homem com 49 anos de idade, indiciado pelo cometimento de quatro crimes de incêndio florestal, ocorridos sensivelmente no mesmo local, em 2020, 2021 e 2022, próximo da residência do arguido, em Vila Verde dos Francos, Alenquer”, sublinha a Polícia Judiciária, vincando que os três homens agora detidos são suspeitos da prática de mais de duas dezenas de crimes de incêndio.


Saiba mais nas edições impressas do Voz Ribatejana


Tags:

Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações