top of page
voz_ribatejana_25abril_comemor.municip.27x4cm.jpg
CMB 252x115-2.jpg
Banner Salvaterra 25.jpg
  • Foto do escritorJorge Talixa

Concelho de Vila Franca recebe 2500 jovens


O concelho de Vila Franca de Xira deverá acolher cerca de 2500 jovens participantes na Jornada Mundial da Juventude, que ficam alojados em 15 pavilhões desportivos e escolas. O barco varino “Liberdade” também tem um papel importante. A oposição camarária vila-franquense defende que o executivo devia ter feito mais e mais cedo para organizar este acolhimento.


O presidente da Câmara garante que tudo foi feito em colaboração com a organização da JMJ e com as comissões paroquiais, mas que muita informação, designadamente em relação ao fluxo de peregrinos, só chegou nos últimos dias.


“Os números ainda não estão completamente definidos, mas no nosso concelho temos tudo pronto”, afiançou Fernando Paulo Ferreira, presidente da Câmara de Vila Franca na abertura da última sessão camarária, vincando que inicialmente estiveram previstos cerca de 2800 peregrinos para serem acolhidos no concelho, mas que esse número foi, entretanto, ajustado para 2489.


“Vai ser preciso muito improviso e desenrascanço”, admitiu o edil, acompanhando também o sentimento já manifestado por outros autarcas da região. “Da nossa parte estamos prontos para algum imprevisto que possa surgir. Fizemos um exercício de treino de evacuação em locais de acolhimento.


Demos contas destes números ao comércio e à restauração nos locais onde vão ficar os peregrinos e demos informação relativamente às medidas necessárias”, afiançou Fernando Paulo Ferreira, frisando que os Serviços Municipalizados de Águas e Saneamento (SMAS) também já tomaram algumas medidas “porque se prevê um calor assinalável nesta semana e pode ser necessário fazer algumas regas adicionais”.


Depois, o presidente da Câmara adiantou que a estação ferroviária da Póvoa de Santa Iria, pela sua proximidade ao Parque Tejo (local central da JMJ) é uma das estações finais para quem se dirige à Jornada, podendo os jovens que assim o entenderem fazer o percurso a pé até ao Parque Tejo.


A oposição camarária vila-franquense é que não se mostrou convencida com as explicações do presidente da Câmara e acusou os socialistas de já terem acordado muito tarde para a JMJ. “Improviso e desenrascanço, as palavras são suas”, vincou Anabela Barata Gomes, vereadora da CDU, dirigindo-se a Fernando Paulo Ferreira.


“Já há muito tempo que estas bancadas vêm alertando para a necessidade de termos aqui uma organização para esta grande iniciativa, não deixando as coisas para a última hora, como nos parece que aconteceu”, sugeriu Anabela Barata Gomes.


“O que nos parece é que houve uma grande falta de resposta por parte da Câmara de Vila Franca de Xira, que também nos parece que só acordou para o assunto em Julho de 2023”, vincou a eleita da CDU. Fernando Paulo Ferreira observou, depois, que a Câmara teve que “aguardar as orientações e indicações dadas pela organização da JMJ, que como sabemos é muito assente no voluntariado.


Ainda hoje há muita informação que não têm condições para dar”, rematou o edil na reunião camarária da passada quarta-feira.


Saiba mais nas edições impressas do Voz Ribatejana


Comments


300x250px_banner.png
Bombeiros VFX2.jpg
Ver para topo quadrado ou sitio do Josal2.jpg
christmas-1089310_960_720_edited.jpg
Loja G Site VR-page-001.jpg
Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações

VOZ_ONLINE-178x66mm.jpg

VR Solidário

Colheita 16 de abril ESFC vs.jpg
bottom of page