top of page
VozRibatejana.gif
CMB 252x115-2.jpg
Voz_Rib_178x66mm-01.jpg
  • Foto do escritorJorge Talixa

Arruda quer obra da variante a andar em 2021


Acessibilidades, trânsito, cultura e, sobretudo, o ambiente e as alterações climáticas foram os temas em foco na sessão da Assembleia Municipal Jovem realizada em Arruda. Os alunos “eleitos” apresentaram, também, várias propostas para melhorar o

ambiente no concelho. Com o salão nobre dos Paços do Concelho de Arruda completamente cheio, decorreu, no dia 12, uma sessão da Assembleia Municipal Jovem que contou com a participação de largas dezenas de alunos do Externato João Alberto Faria (EJAF). O ambiente, o impacto das alterações climáticas, as

acessibilidades, o empreendedorismo, o voluntariado e os problemas ligados à utilização do pavilhão do Arrudense estiveram em foco, numa sessão em que o executivo da Câmara foi “confrontado” com várias questões e recolheu propostas bastante pertinentes apresentadas pelas bancadas de alunos “eleitos”. No período de

intervenção do público, Ana Cardoso salientou que “o trânsito em Arruda tem-se tornado gravoso para quem passa e para quem vive e trabalha em Arruda. Quando é que será construída ou iniciada a obra da circular exterior?”, questionou. André Rijo, presidente da Câmara de Arruda, sublinhou que a questão do trânsito e da construção

de uma variante à vila sede de concelho é “absolutamente central”. O autarca do PS observou que “estamos mais perto do que nunca de conseguir caminhar a passos largos para a construção da variante exterior à vila de Arruda”, frisando que o projecto está incluído no Plano Nacional de Investimentos (PNID) 2030, que foi aprovado, em

Julho, na Assembleia da República. “A nossa expectativa é que, durante o primeiro semestre de 2021, o processo de concurso público da empreitada possa estar concluído e que a obra possa então avançar”, salientou André Rijo. Já no período da ordem do dia, a Assembleia Municipal Jovem de Arruda previa a abordagem de dois

pontos: o empreendedorismo e o voluntariado e as alterações climáticas. As duas temáticas acabaram por se conjugar e as bancadas “A” e “B” reflectiram sobre a realidade ambiental do concelho e apresentaram várias propostas ao executivo municipal. André Rijo reconheceu que o fenómeno das alterações climáticas é um dos

três grandes desafios que se colocam à humanidade para as próximas décadas e anunciou que a Câmara já distribuiu pela população (juntamente com a factura da água) um questionário sobre esta temática e vai organizar, em Março, uma convenção sobre o impacto das alterações climáticas.

Saiba mais nas edições impressas de 26 de Fevereiro e 11 de Março do Voz Ribatejana

anuncio5.jpg
BRN3C2AF4C72910_038798-page-001_edited.jpg
Ver para topo quadrado ou sitio do Josal2.jpg
christmas-1089310_960_720_edited.jpg
Loja G Site VR-page-001.jpg
Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações

VOZ_ONLINE-178x66mm.jpg

VR Solidário

Colheita 16 de abril ESFC vs.jpg
bottom of page