• Joel Balsinha

Colombianos suspeitos de roubos detidos em Alverca


Falsos “samaritanos” de origem colombiana, que alegadamente roubavam pessoas junto de dependências bancárias, acabaram detidos em Alverca no concelho de Vila Franca de Xira. O esquema terá rendido cerca de noventa mil euros de norte a sul do

país e foi “travado” numa operação liderada pela PSP do Porto. Os elementos identificados no passado sábado têm idades entre os 40 e os 50 anos e fingiam auxílio a pessoas em dificuldades. Supostamente, pelo que terá sido apurado pelas autoridades, a dupla usou espigões para furar pneus de automobilistas que teriam os

seus veículos parqueados junto de bancos. O seu método de ação seria simples, visto que um dos elementos ofereceria ajuda, enquanto o outro subtrairia os valores das vitimas, sem que as mesmas dessem conta, já que estariam distraídas. O dinheiro desapareceria do interior do carro estacionado. O ‘gang’ acabou por ser apanhado em

flagrante em Alverca e já teria amealhado com esta técnica uma quantia de cerca de 90 mil euros. A investigação, liderada pela PSP do Porto, já decorria desde junho passado. "Andavam em carros alugados e mudavam muitas vezes de hostels para não serem detetados. O grupo tem ramificações em Espanha e existem mais suspeitos", disse, aos

jornalistas, o comissário Afonso Sousa, da PSP do Porto. "Registámos 15 crimes, sendo que, com certeza, atuaram mais vezes. Muitas das situações fomos nós a informar as vítimas de como é que tinham sido roubadas, porque algumas não se apercebiam", sustentou o comissário da PSP.

Saiba mais na edição impressa de 29 de Janeiro do Voz Ribatejana

Tags:

Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações