• Jorge Talixa

Surto na Misericórdia com 90 casos e quatro óbitos


O surto de covid-19 que foi detectado, há duas semanas, nos lares da Misericórdia de Arruda dos Vinhos, já motivou a infecção de cerca de 90 pessoas, entre utentes e funcionários. De acordo com André Rijo, presidente da Câmara arrudense, o surto que atingiu os lares de Alcambar e da Cartaxaria já provocou quatro vítimas mortais, as duas últimas no passado fim-de-semana.


Os dois lares funcionam no mesmo complexo social, reunindo cerca de 110 utentes e perto de uma centena de funcionários. Na semana do Natal foram detectados os primeiros cinco casos no lar de Alcambar. Os testes realizados nos dias seguintes permitiram perceber que o contágio se estendera a um total de 49 pessoas ligadas a este lar (29 utentes e 20 funcionários) e que permitiram detectar mais cerca de 40 casos


positivos no lar da Cartaxaria. A Misericórdia de Arruda acionou o plano de contingência, criando três áreas distintas para separar utentes infectados, não infectados e contactos próximos dos casos positivos com teste negativo. “Tudo está a ser feito pelas autoridades de saúde, pelos funcionários e pela mesa administrativa da Santa Casa da Misericórdia, que não se têm poupado a esforços para minimizar as consequências”,


afiança André Rijo, anunciando que, esta terça-feira, tem início no concelho de Arruda o plano de vacinação de funcionários e utentes de lares de idosos sem casos de covid-19 activos. O concelho de Arruda, que na primeira fase da pandemia foi dos menos afectados da região, está, agora, num nível de incidência “muito elevado”, com 203 casos activos, 367 recuperados e 12 óbitos.


Saiba mais nas edições impressas do Voz Ribatejana e da Vida Ribatejana


Tags:

Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações