• Jorge Talixa

Bombeiros inauguram novas instalações a 16 de Junho


As novas instalações da Associação de Bombeiros Voluntários de Vialonga (ABVV) vão ser inauguradas no próximo dia 16. Uma ambição antiga da corporação vialonguense, que tem funcionado num quartel já demasiado exíguo para as necessidades de uma corporação que serve uma freguesia extensa, com perto de 25 mil habitantes. O novo espaço operacional foi construído junto ao Centro Comunitário de Vialonga e às instalações do

SUCH (Serviço de Utilização Comum dos Hospitais) e envolvem um investimento próximo de 1 milhão de euros. O primeiro concurso para a obra ficou deserto e foi necessário aumentar o respectivo preço-base, que se fixou nos 950 mil euros (mais IVA). A ABVV conta com comparticipações da administração central e da Câmara de Vila Franca de Xira (213 mil euros) e a autarquia local comprometeu-se a reforçar o seu apoio para a ajudar a

associação a suportar o acréscimo de custo da obra. Como este reforço ainda não foi aprovado, a ABVV foi obrigada a recorrer a um empréstimo bancário, com um volume de juros mensais da ordem dos 750 euros. Entretanto, o projecto de equipamento das novas instalações foi o mais votado no Orçamento Participativo (freguesia de Vialonga), mas os equipamentos necessários ainda não foram entregues. Sabe-se, também, que a

edilidade vila-franquense impõe como condição para o reforço do apoio financeiro que os armazéns onde a ABVV guarda as suas viaturas sejam completamente demolidos e retirados do local. O Voz Ribatejana questionou a Câmara de Vila Franca sobre estas matérias. Alberto Mesquita, presidente da edilidade, congratula-se com “a entrada em funcionamento de um novo equipamento de apoio às corporações de bombeiros do Concelho de Vila

Franca de Xira, neste caso em concreto na freguesia de Vialonga, que ficará dotada de um novo Quartel com todas as condições para que os bombeiros voluntários da freguesia continuem a prestar este serviço tão importante de apoio às populações”. O edil confirma “a intenção da Câmara Municipal, já expressa publicamente noutros momentos, de fazer o reforço da comparticipação financeira à Associação Humanitária dos Bombeiros

Voluntários de Vialonga. Oportunamente será apresentada uma proposta nesse sentido, cujo teor será analisado e sujeito a aprovação em reunião pública de câmara”, explica Alberto Mesquita, em resposta ao Voz Ribatejana, vincando que, no que respeita ao projeto votado e selecionado no âmbito do Orçamento Participativo de 2018, que se traduz também num apoio a prestar à Associação dos Bombeiros de Vialonga, “o mesmo será objeto de apoio financeiro cuja proposta será remetida brevemente à aprovação do executivo municipal”.

Saiba mais nas edições impressas de 22 de Maio e de 05 de Junho do Voz Ribatejana

Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações