• Joel Balsinha e Jorge Talixa

Greve desconvocada no sector ferroviário


As paralisações previstas para esta semana no sector ferroviário foram desconvocadas na tarde de domingo, depois de um princípio de acordo entre a Infraestruturas de Portugal (IP) e a Associação Sindical dos Profissionais do Comando e Controlo Ferroviário (Aprofer). De acordo com a organização sindical foi alcançado um primeiro entendimento nas negociações que envolveram também o Governo e os contactos vão prosseguir a partir de 1 de Setembro. A IP anunciou ontem, em comunicado, que depois do acordo alcançado seria desconvocada

a greve prevista para os dias 27, 29 e 31. A empresa do Estado explica que, após várias reuniões que decorreram na Secretaria de Estado das Infraestruturas (SEI) nos últimos dias, “foi possível estabelecer um acordo conjunto entre a IP, a SEI e a Aprofer” e “congratula-se com o resultado destas negociações”, que permite “assegurar a normalidade na disponibilidade do serviço ferroviário". Pouco tempo depois, a direcção da Aprofer divilgou também uma nota onde confirma a desconvocação das greves e informa que “finalmente foi possível a criação

das carreiras de supervisão e operação do comando e controle ferroviário”. Explicando o calendário de entrada em vigor das novas carreiras (a partir de 1 de Janeiro de 2019) e que até final do ano deverá ser concluída a negociação do Acordo Colectivo de Trabalho, a Aprofer acrescenta que o novo modelo prevê também melhorias remuneratórias. A estrutura sindical diz esperar que das futuras negociações resultem evoluções que marquem efectivamente a “diferença”.

Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações