• Jorge Talixa

Câmara substitui árvores “doentes” no Jardim de Vila Franca


A Câmara de Vila Franca de Xira está a proceder à plantação de 42 árvores no Jardim Municipal Constantino Palha, numa iniciativa que envolve, também, a remoção de 30 árvores ali existentes que, de acordo com a autarquia, apresentam “patologias graves” e “um risco de rutura elevado”.


Com o objectivo de prevenir eventuais acidentes relacionados com quedas de árvores e/ou de ramos, a Câmara decidiu avançar para este processo. “A imediata intervenção de revitalização deste jardim justifica-se pela existência de 30 árvores, de diferentes espécies, com patologias graves e em risco de


rutura elevado. Tal constitui perigo para pessoas e bens, pelo que terão de ser removidas”, explica a edilidade vila-franquense, frisando que foi feita uma avaliação fitossanitária e de risco de rutura das árvores existentes no Jardim Municipal Constantino Palha por técnicos do Laboratório de Patologia Vegetal


“Veríssimo de Almeida” (Universidade de Lisboa / Instituto Superior de Agronomia). “Foram identificados diversos problemas fitossanitários resultantes da ação de fungos, causadores de doenças e podridão do lenho, que representam um risco muito elevado para a segurança de todos nós. Neste sentido,


é imperiosa esta intervenção”, sustenta a Câmara, afirmando que “as restantes árvores do jardim continuarão a ser acompanhadas e monitorizadas pelo Município, com vista à preservação deste património natural e ambiental de grande importância para a cidade de Vila Franca de Xira e para a sua população”.


Saiba mais nas edições impressas do Voz Ribatejana


Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site
christmas-1089310_960_720_edited.jpg

Contador de Visualizações