top of page
banner_178 x66 mm_Voz Ribatejana_compressed-page-001_edited.jpg
festival-arroz-carolino-2024.png
XiraSoundFest24_Voz Ribatejana_17,8x6,6cm(1).jpg
  • Foto do escritorJorge Talixa

Alenquerense Mário Franco disputa Dakar 2024


O piloto alenquerense Mário Franco vai disputar, já a partir de sexta-feira, a edição 2024 do Rally Dakar, que se corre na Arábia Saudita. Será a segunda participação do piloto de Alenquer nesta “mítica” prova de automobilismo, desta vez acompanhado pelo co-piloto Daniel Jordão.


Os dois irão tripular um protótipo ligeiro Yamaha inscrito na nova classe Challenger (ex-SSV T3). “Estou imensamente feliz por poder voltar ao Dakar dois anos depois da minha estreia. Sei que vamos ter pela frente uma prova ainda mais exigente do que em 2022 e vamos encontrar uma concorrência muito forte na classe Challenger. O Dakar como principal evento motorizado a nível mundial tem sempre de nos reservar algumas surpresas e dificuldades diferentes do habitual.


Para além da extensa quilometragem, nesta edição vamos ter uma etapa de 48, na qual vamos ter que nos ‘safar’ com os nossos próprios meios e sem possibilidade de contacto com alguém”, salientou Mário Franco (antigo campeão nacional de todo-o-terreno TT2 e que por três vezes venceu a Taça Yamaha), na apresentação que teve lugar no concessionário Yamaha Bluemotor, em Santarém.


Já sobre as metas traçadas para esta competição, Mário Franco confessa que “é sempre difícil apontar a um objetivo em termos de classificação, até porque temos a noção de que a concorrência na categoria Challenger é muito forte. O objetivo primordial passa por terminar o Dakar, mas vamos procurar andar depressa e ser competitivos, apesar de não sermos dos mais experientes na prova.


Vou para o meu segundo Dakar e o Daniel estará pela primeira vez numa corrida desta extensão. É uma estreia absoluta no Dakar. Vamos conscientes das dificuldades, mas muito motivados para um desafio fantástico”, referiu o piloto que, em 2019, conquistou um lugar no Top 5 do Rally du Maroc.


Daniel Jordão, piloto “com larga experiência e grande currículo no motociclismo nacional”, estreou-se como co-piloto no Rally de Marrocos deste ano, fazendo dupla com o inglês William Buller. Recorde-se que, depois de longos anos em África e posteriormente na América do Sul, o Rally Dakar 2024 terá a sua quinta edição consecutiva a ser disputada na Arábia Saudita, com um traçado que “promete, uma vez mais, ser muito exigente”, refere a Franco Sport.


A prova começa com um prólogo, no dia 5 de janeiro em Al-Ula e termina em Yanbu, no dia 19. Terá um dia de paragem, a 13 de janeiro, na capital Riyadh. O trajecto será composto por 60% de percursos totalmente novos, num total de 7.881 quilómetros, dos quais 4.727 serão cronometrados.


Serão 14 dias de corrida repartidos por 12 etapas e um prólogo. Nesta edição de 2024 vai ser ainda introduzindo um conceito totalmente novo: uma etapa crono de 48 horas realizada em dois dias em que os competidores, espalhados entre oito acampamentos, serão deixados à sua própria sorte.

Saiba mais nas edições impressas do Voz Ribatejana e da Vida Ribatejana


Comments


03_Eleicoes_Europeias_Imprensa_Digital_Regional_300x250.jpg
15 Caminhada Amor do Peito-page-001-2.jpg
Ver para topo quadrado ou sitio do Josal2.jpg
christmas-1089310_960_720_edited.jpg
Loja G Site VR-page-001.jpg
Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações

VOZ_ONLINE-178x66mm.jpg

VR Solidário

Cartaz 24 de maio vs.jpg
bottom of page