• Jorge Talixa

Gala celebra 15 anos da Universidade Sénior


Quinhentos alunos e 80 disciplinas são alguns dos números da Universidade Sénior do Concelho de Vila Franca de Xira, que assinalou o seu décimo-quinto aniversário com uma gala promovida no pavilhão multiusos da sede de concelho. A iniciativa incluiu

vários momentos de animação e homenagens à antiga e ao actual presidente da Câmara e ao professor e ao aluno mais antigos. Fomentar novas aprendizagens e o convívio entre os seniores do concelho foi o principal objectivo da criação da USCVFX,

que pretende também combater situações de isolamento e promover as actividades físicas e culturais entre os mais velhos. O projecto arrancou com 140 alunos e onze disciplinas e tem crescido paulatinamente, atingindo no presente ano lectivo o meio milhar de inscritos. Paralelamente, a Universidade Sénior tem dinamizado actividades

paralelas, com grupos de cavaquinhos e de danças e cantares e um grupo coral. É, também, tricampeã nacional do Concurso de Cuultura Geral da Rutis (rede de universidades da terceira-idade). A professora Maria Josefa, em nome dos alunos e professores da USCVFX, começou por explicar que a Universidade Sénior nasceu no

ano lectivo de 2004/2005 “com o objectivo fundamental de oferecer às pessoas uma forma de se manterem activas. Quinze anos passados podemos dizer que a missão foi cumprida, tendo em conta os objectivos que a norteiam. E, para isso, há que realçar o esforço, o empenho e a dedicação de muitos”, salientou. “O segredo da vida é viver. O

segredo da Universidade Sénior passa por melhorar a nossa condição humana, através do ensino e do convívio salutar. Devemos continuar a manter estes valores”, defendeu a professora Maria Josefa, vincando que neste dia comemorativo dos 15 anos da USCVFX, os alunos e professores queriam dirigir um agradecimento muito especial à

Câmara de Vila Franca de Xira, que tem acompanhado sempre este projecto. “Alguns dirão que podíamos ter feito mais e melhor. Claro que sim. É da nossa condição humana o sentimento de que tudo o que se faz é pouco. Mas continuamos a caminhar”, concluiu Maria Josefa, antes de chamar ao palco dois alunos da USCVFX vestidos com

roupa típica do início do século passado, que tinham como missão entregar pequenas lembranças a Maria da Luz Rosinha (antiga presidente da Câmara vila-franquense, em cujos mandatos foi criada a Universidade Sénior) e Alberto Mesquita (actual presidente da Câmara de Vila Franca que tem dado continuidade ao projecto).

Saiba mais na edição impressa de 29 de Janeiro do Voz Ribatejana

Leitura Recomendada
Procurar por Tags
Siga o Voz Ribatejana
  • Facebook - Black Circle
Facebook
  • YouTube - Black Circle
YouTube
Arquivo do Site

Contador de Visualizações